15/01/2008 - "Beleeiros sequestram Ecologistas."
Outras Notícias

                 Dois Voluntários da Sea Shepherd Levados como Reféns pelos Baleeiros.

                 O navio da Sea Shepherd Conservation Society, o Steve Irwin, está em total perseguição das cinco embarcações de caça - as baleeiras, e também do navio de suprimentos japonês, o Oriental Bluebird.
                 A baleeira japonesa Yushin Maru II levou dois voluntários da Sea Shepherd como reféns. Benjamim Potts, 28 anos, cidadão australiano e Giles Lane, 35 anos, cidadão da Grã-Bretanha estão sendo mantidos como reféns a bordo da embarcação. Os dois voluntários foram agredidos e depois amarrados ao mastro do navio pelos baleeiros.
                 Os dois voluntários subiram a bordo do navio para entregar uma mensagem ao capitão japonês dizendo que eles estão violando a lei de conservação internacional, mirando espécies em extinção em um santuário de baleias, assim como estão violando a moratória global contra a caça à baleia para fins comerciais. Eles também informaram o capitão que a Austrália aprovou no Tribunal Superior, há poucas horas atrás, uma lei proibindo baleeiras japonesas na Zona de Exclusão Econômica Antártico-Australiana.
                 Tudo isso aconteceu na área 60° sul e 78° leste. Toda a atividade foi documentada pelo helicóptero e pela embarcação veloz, de nome Delta. O Steve Irwin despachou uma segunda embarcação Delta e seu helicóptero para tentar persuadir o Yushin Maru 2 a soltar os reféns.
                 Capitão Paul Watson notificou a Polícia Federal australiana que ele gostaria de ver os baleeiros japoneses serem acusados de seqüestro. O governo australiano e a Embaixada Britânica foram informados que cidadãos de seus países estão sendo mantidos como reféns em uma baleeira japonesa operando ilegalmente dentro de águas internacionais.
                 O navio-fábrica japonês Nisshin Maru fugiu para mais de 700 milhas a noroeste e está indo em direção à África do Sul, acompanhado pelo navio do Greenpeace, o Esperanza. Toda a frota baleeira está fora da área de caça à baleias. O Steve Irwin está perseguindo as outras seis embarcações da frota japonesa.
                 Nenhuma baleia foi morta durante os últimos quatro dias e não parece que as operações de caça irão começar novamente por pelo menos durante mais uma semana, ou enquanto a frota baleeira for impedida de se reagrupar. O Steve Irwin tem uma boa provisão de combustível, podendo permanecer na área durante algum tempo policiando as operações ilegais da frota japonesa.
                 Capitão Paul Watson, fundador e presidente da Sea Shepherd, repassará autoridade ao governo australiano de fazer cumprir a lei australiana aprovada horas atrás, se assim o governo australiano pedir e se, se comprometer a fazer cumprir esta lei que bane todas as atividades baleeiras japonesas do Território Antártico-Australiano.
                 O Instituto Sea Shepherd Brasil é uma ONG sem fins lucrativos que luta pela preservação da vida marinha em todo o país. **www.seashepherd.org.br ** Nós não apenas falamos em salvar os oceanos, nós o fazemos!